Google Discovery | Google Talk | Discovery Music | Equipe


segunda-feira, setembro 18, 2006

Corte na Bélgica obriga o Google a retirar notícias do Google News

Por Renê Fraga

A empresa de buscas Google foi processada e obrigada a retirar notícias da versão belga do Google News, serviço de busca de notícias. O site precisou remover todas as notícias em francês e alemão de vários jornais, por conta de um processo movido por diversos veículos de imprensa

A Copiepresse, entidade que representa os jornais na Bélgica, disse que o Google obtém lucro com o conteúdo dos jornais sem repassar nada aos produtores das notícias.

A Google retirou os links para os sites envolvidos, mas se defende, dizendo que só oferece trechos das matérias publicadas e que ainda gera tráfego para os sites do jornais, além de não veicular banners publicitários no serviço Google News. Se a empresa não retirasse os links, seria obrigada a pagar uma multa diária de 1 milhão de euros.

"Como resultado, não pudemos defender nossa posição diretamente diante do juiz", alegou Rachel Whetstone, porta-voz do Google. "Estamos decepcionados com a decisão, que acreditamos ser incorreta, e da qual pretendemos apelar."

Ela acrescentou que a política da empresa é remover qualquer link jornalístico do seu índice, caso a publicação assim solicite.

Sobre o Google News:
O sistema Google News é um agregador de notícias que varre diversos sites, hierarquiza e publica resumos de notícias produzidas por sites de jornais, revistas e agências, tudo baseado em avançados algoritmos e computadores. O que o Google está enfrentando na Bélgica não é uma novidade para a empresa e repete o que aconteceu nos EUA, quando o projeto foi lançado em 2002, também causando o mesmo tipo de apreensão em diversos mercados.

Estadão / INFO Online


Comentários: Postar um comentário



<< Home